Muitas pessoas buscam aumentar o seu score, pois, é uma das ferramentas mais utilizadas pelos bancos e instituições financeiras para analisar o seu potencial de crédito, ou seja, com esse score é possível verificar se você é um bom pagador e assim gerando um grau de confiança.

O que é score?

Score é a sua pontuação com os órgãos de proteção ao crédito como o SPC, Serasa e proScore, essa pontuação serve para classificar o histórico dos consumidores e verificar o grau de confiança no pagamento de suas dívidas, ou seja, se seu score for baixo você terá problemas ao solicitar um cartão de crédito ou aumento de limite de crédito.

O que é análise de crédito?

Os bancos utilizam para saber como se comportam seus clientes no momento do pagamento de suas dívidas, onde é possível analisar se o cliente honrará com suas futuras parcelas em caso de empréstimo para liberar um cartão de crédito ou aumentar o seu limite.

Publicidade

É nesse momento que muitos são reprovados por causa da confiança Assim como você não emprestaria dinheiro para alguém que você não confia, os bancos e instituições financeiras pensam da mesma forma, assim diminuindo aquele famoso “calote”.

Ressalto que os bancos tendem a negar crédito para quem tem o nome negativado, pois, as dificuldades podem ser grandes em contrair novas dívidas.

Como funciona essa análise de crédito?

Não é apenas o score o motivo de recusa, são utilizadas diversas ferramentas para esse tipo de avaliação, alguns bancos e instituições podem utilizar até 100 tipos diferentes na hora de realizar a avaliação de crédito.

A análise se baseia em:

  1. Documentação, ou seja, verificar quem está solicitando o crédito;
  2. Histórico de relacionamento com a instituição financeira ou banco, se houve já contratação anterior com quitação realizada sem problemas;
  3. Análise nos órgãos de proteção ao crédito, ou seja, verificar todas as informações como consumidor, como histórico financeiro e score;
  4. Análise do cartão ou empréstimo, será analisado o que está sendo pedido e confrontar com os dados do seu perfil.

Como é escalado o score

Sua nota pode variar de 0 a 1000, sendo:

  • 0 a 300 – alto risco de inadimplência;
  • 300 a 700 – médio risco de inadimplência;
  • Acima de 700 – baixo risco de inadimplência.

Seu score é gerado pelas empresas de proteção ao crédito (Serasa, SPC, proScore, etc). As informações são referentes ao seu perfil como consumidor.

O que impacta negativamente o score?

A vários fatores que podem influenciar negativamente no seu score, são eles:

  • Atraso de pagamento de dívidas;
  • Histórico financeiro (contas que não foram pagas e negativados)
  • Pedir vários cartões de crédito;
  • Solicitar aumento de crédito exagerado;
  • Não possuir contas em seu nome.

Confira 5 dicas para aumentar seu score

Esteja no cadastro positivo

O cadastro positivo é um registro em que você permite que os birôs de crédito verifiquem e façam a análise das suas movimentações financeiras e contas pagas. Normalmente, você pode estar automaticamente no cadastro positivo, mas há a opção de cancelar isso no seu banco caso deseje.
Mas atenção! Aconselhamos a não fazer esse cancelamento caso queira aumentar o seu score de crédito. Esses dados são muito importantes para que consiga um bom limite de crédito.

Pague suas contas no dia correto

Uma informação importante e que poucas pessoas têm conhecimento é que pagar suas contas com muitos dias de antecedência não aumenta seu score. Isso é um grande mito. A maneira certa de aumentá-lo é pagando suas contas em dia.

Atrasando sua fatura, ainda que sejam poucos dias, já é um sinal vermelho e motivo para que sua pontuação diminua. Portanto, é essencial que suas faturas do cartão e as contas que estão em seu nome sejam pagas no dia correto.

Caso tenha dificuldade em pagar no dia certo, você pode optar pelo débito automático, assim elas serão pagas de forma automática no dia do vencimento. Mas é importante sempre ter o saldo suficiente em conta, ok?

Tenha as contas que você paga em seu nome

Ainda que você seja responsável por algumas ou todas as contas da sua casa, se elas não estiverem em seu nome,não ajudará na pontuação do seu score. Quando você passa uma conta para o seu nome, você transfere dados a mais para os birôs de crédito.

Dessa forma, você prova que tem contas em seu nome e que é uma boa pagadora. Essas informações são muito importantes para aumentar o seu score e gerar mais confiança para as outras instituições.

Mantenha os dados cadastrais e endereço atualizado

Tenha os seus dados atualizados, como nome, documentos, e principalmente o seu endereço. Empresas como Serasa, SPC e Boa Vista sempre verificam a veracidade dessas informações. Desta maneira você mostra para as empresas que você é uma pessoa que não precisa se esconder e que é confiável. Além disso, prova que você tem residência fixa.

Negocie suas dívidas e mantenha o nome limpo

Caso você tenha dívidas em seu nome, será muito difícil o seu score aumentar. Isso porque, essas dívidas e pendências dão a entender que você não é uma pessoa confiável para oferecer qualquer crédito ou vantagem.

Para virar esse jogo é essencial procurar meios para negociar suas dívidas e limpar o nome. Entre em contato com os bancos ou empresas e verifique uma forma de solucionar. É importante ressaltar que, ainda que sua dívida venha a prescrever, a instituição credora permanece com o seu nome como devedor, e isso pode prejudicá-lo da mesma forma.

Conclusão

Vimos o quão importante é manter o seu score com uma pontuação boa. Pode te ajudar a alugar o seu tão sonhado imóvel, facilitar o empréstimo para algum objetivo importante, ou até mesmo adquirir um cartão de crédito para as compras do dia a dia. É importante ressaltar que isso envolve organização financeira e controle de gastos para que não acabe no vermelho!
Até o próximo post!